Edenbrooke - Julianne Donaldson

21 junho 2018

Resenha por: Tânia Bueno
Título: Edenbrooke
Autor(a): Julianne Donaldson
Editora: Universo dos Livros
Gênero: Romance de época
Páginas: :304
Adquira o seu: Bucapé
Adicione no: Skoob

Avaliação:


SINOPSE: Marianne Daventry fará qualquer coisa para escapar do tédio de Bath e das atenções amorosas de um pretendente indesejado. Então, quando chega um convite de sua irmã gêmea, Cecily, para se juntar a ela em uma enorme casa de campo, ela agarra a chance na hora. Pensando que vai poder relaxar e desfrutar de seu amado interior inglês enquanto sua irmã tenta fisgar o belo herdeiro de Edenbrooke, Marianne descobre que até mesmo os melhores planos dão errado. De um aterrorizante encontro com um salteador a um aparentemente inofensivo flerte, a jovem se encontra envolvida em uma aventura inesperada e cheia de romance e intrigas, suficientes para manter sua mente agitada. Ela será capaz de controlar seu coração traidor, ou um estranho misterioso irá arrebatá-lo? O destino estava pensando em algo diferente de um verão relaxante quando mandou Marianne para Edenbrooke.

Eu descobri que amo Romance de Época a partir dos livros que a Universo dos Livros publicou e que amei cada um, agora estou assim um tanto quanto viciada. Edenbrooke me fascinou pela Marinne que é uma jovem de dezessete, nascida na Regência, época que simplesmente fascinou a escritora, razão pela qual ela investiu em pesquisa e mergulhou na criação desse romance espetacular. Voltemos a Marianne que é gêmea e sempre se colocou a sombra da irmã Cecily, a qual na visão da nossa protagonista é o Sol e ela a Lua, filhas desejadas pelos pais e que fez a família aumentar o significado dessa palavra, são unidos, entretanto uma tragédia fará com que cada um vá para um lado e Marianne deixa sua cidadezinha do interior adorada e é enviada para a casa da avó em Bath cidade que ela não gosta nada nada, sem falar que tem um pretende indesejado e sem noção. Enquanto passa praticamente um ano em Bath, sua irmã está em Londres frequentando os bailes que tanto ama, a agitação e a sociedade local em busca do homem perfeito que lhe conceda o título de Lady e outras coisas. Cecily é a dama desejada e Marianne a engraçada que adora rodopiar nos campos de olhos fechados e por fazer isso às vezes se vê em situações, digamos, constrangedoras e que arrancou muitas risadas minhas.
OBS: A Regência Britânica compreende o período político entre fins do século XVIII e início do século XIX, com marcas distintas na arquitetura, literatura, moda e cultura de modo geral, na Grã-Bretanha. É o período de Jane Austen (N.T.)Bingo!!! Tem como não amar esta época. A época da Jane Austen, diva eterna? Claro que não.A autora é simplesmente apaixonada por esta época que ela descobriu quando tinha 17 anos e tendo contraído uma pneumonia leu vááários livros da Jane Austen e Georgette Heyer.

Mas, alguém mais roubou meu coração Philip um protagonista cavalheiro avesso a aventuras e a mulheres interesseiras. Ele é simplesmente encantador e também foge dos padrões da época uma vez que não é libertino e muito menos cafageste, só você lendo o livro para saber do que falo. É uma pessoa impressionante e com certeza cativará leitoras e leitores.

A chance de Marianne retonar para o campo chega através de um convite da irmã Cecily para passar uma semana juntas na propriedade de sua anfitriã em Londres. Lady Carolyne no passado foi muito amiga da mãe das gêmeas, mas se distanciaram e agora conhece as filhas da amiga e as adora, em especial Marianne. Entretanto, no trajeto para Edenbrooke um salteador ataca a carruagem que transporta Marianne e sua dama de companhia Betsy que é hilária, falante e até intrometida, mas graças a ela Marianne não é raptada. Agora com o cocheiro baleado as duas conduzem a carruagem até uma instalação e lá conseguem socorro e mais que isso Marianne encontra um homem que a deixa nos nervos inicialmente, mas não podemos negar que é um cavalheiro, cinicamente divertido, nossa protagonista é desafiada se vê em algumas situações engraçadíssimas. Porém no dia seguinte o misterioso cavalheiro paga as contas e desaparece deixando-a com a pulga atrás da orelha e pior ninguém quer dizer quem é aquele homem.

Ao chegar a Endenbrooke Marianne terá alguns desafios em meio a cenários interessantes e é de duvidar que consiga se transformar na dama que sua avó deseja para que herde sua herança já que, segundo a vovó, ela terá muita dificuldade para encontrar um marido por não ter “modos” condizentes a uma dama. Mas, ela não faz questão da herança, nem de ser dama, nem de marido... Quer apenas tentar agradar e não decepcionar a avó. Será que ela conseguirá? Aham! Só lendo para saber.

Marianne e Philip tem uma conexão incrível e terão que vencer alguns obstáculos. Ele por ser cavalheiro e no papel de responsável por ela não lhe fará corte alguma, mas é fato que com a chegada dela ele recobrou o bom humor e sorriso que outrora perdeu com a morte de seu pai e depois do irmão mais velho que deveria ser o Sir e não ele que jamais desejou este título. Ela não flertará principalmente por pensar que Cecily desejava Charles que está morto e a ficha cai ao descobrir que o interesse da irmã a quem tem verdadeira devoção é Philip. Assim, como ela sempre fez e faz tentará sair de cena para deixar o palco para sua irmã que apesar da aparência de dama esconde algumas escorregadinhas nada aceitas da época.

Só quero ressaltar de forma enfática que é daqueles romances de época tipo amorzinho que você não quer deixar de ler depois que inicia e ao terminar dormirá suspirando pelos personagens mais fofos que conheci. Todos os personagens foram construídos com esmero, os cenários são encantadores tanto que, de verdade, tive vontade de me tele transportar para Edenbrooke e conviver com personagens tão lindos e em um lugar tão incrível. E, sim é um livro que lerei outras vezes, pois é apaixonante.

A autora Julianne Donaldson  arrasou em seu livro de estreia como escritora e que venham muitos outros.  Você encontrará no final do livro uma entrevista em que ela fala do processo de construção, sua paixão pela época de Regência e pela autora Gerogette Heyer, em especial. Conta das viagens que fez com uma amiga para se conectar às cidades do interior como Bath e Kent. O titulo da obra Edenbrooke é a cidade criada por ela quando ainda nem sabia da existência de um rio chamado Eden que fica em Kent, assim a essa coincidência ela considera algo cósmico e tem muito mais na entrevista.

Gente! É sério, leia este livro, ele é fenomenal!

Conheça a autora:




Julianne Donaldson é uma romancista estreante e romântica incurável. E, embora possa ser considerada novata enquanto escritora, isso não diminui seu mérito, pois Edenbrooke foi premiado em duas categorias no Whitney Award de 2012, além de ter sido finalista no Goodreads Choice Awards.







Beijos roubados da época de Regência!
Tânia Bueno

Comente com o Facebook:

20 comentários:

  1. Oi Tania, é tão bom quando um livro nos pega de jeito, pude perceber o quanto tu gostou do romance. Eu não li muitos romances de época, mas foi por falta de oportunidade, mas minha próxima leitura será um.
    Gostei da dica e já anotei o nome do livro e da autora.
    Bjos
    Vivi
    http://duaslivreiras.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Oi Tânia, sua linda, tudo bem?
    Saudades de vir aqui e de você!!!! Eu fico muito feliz por você ser mais uma a se apaixonar por romances de época, gênero que adoro. Eu adoro esses personagens que conseguem transformar a vida do outro e fazer bem ao outro. Conseguir levar o amor a um coração triste e sofrido é muito romântico e lindo!!!! Estou louca para ler esse livro!!! Adorei sua resenha!!!
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Que resenha mais fofa! Eu adoro romance de época, mas anda não conhecia esse livro. Achei a premissa muito interessante, gosto muito de livros cativantes e fofos, já tenho certeza que os protagonistas são uns amores. É muito bom quando lemos uma narrativa, cujo mocinho não atende às ideias da época, principalmente quando se trata de uma história que se passa em um dado período histórico. Espero ler em breve!
    Beijos do Wes ^^

    ResponderExcluir
  4. Olá!
    Nossa, eu amo quando aparecem recomendações através das resenhas, de romances de época. Minha lista só cresce, claro, mas eu amo mesmo assim, simplesmente por ser o meu gênero favorito. Adorei a premissa, especialmente pelo mocinho não ser um libertino, o que já difere da maioria dos romances de época escritos atualmente. Dica super anotada!
    Abraços

    ResponderExcluir
  5. Olá, tudo bem? Eu amo livros que possuam gêmeas, acho incrível como pode existir uma pessoa exatamente igual a outra, as aventuras que elas podem viver nas histórias também chamam muito a minha atenção. Divagações a parte..rs! Essa é a primeira vez que leio uma indicação sobre esse livro e apesar de não ser o gênero que amo ler, fiquei curiosa em conhecer a história principalmente, saber o que vai acontecer com as duas irmãs.
    Espero que ele seja tão bom quanto parece!

    Beijos e Abraços Vivi
    Resenhas da Viviane

    ResponderExcluir
  6. Assim como você, eu amo romance de época e saber que esse é espetacular me anima muitão. Sem dizer que situações engraçadas só trazem leveza a trama. Então vou ter que ler para descobrir se Marianne consegue agradar sua avó sem se tornar uma dama casada rsrs. Vou anotar esse romance tipo amorzinho que me apresentou e espero gostar tanto quanto você.

    Abraços.
    https://cabinedeleitura0.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  7. Olá, eu amo um romance de época e confesso que não conhecia essa historia já tinha visto esse livro mais não sabia da historia mais sua resenha me deixou com vontade de ler o livro dica anotada

    ResponderExcluir
  8. É muito bacana quando uma autora se empenha de verdade na pesquisa para que sua obra saia bem fundamentada, isso sem duvida alguma é um diferencial que eu como leitora levo em consideração. Eu nao conhecia a obra mas pela sua resenha já sei que vou amar.

    ResponderExcluir
  9. Olá! Poxa que reenha bacana de se ler, deu pra perceber que a leitura foi super boa pra ti haha
    Gosto de personagens que cativam e principalmente quando são bem esttuturados.. gostei bastante da dica de livro e fiquei bem curiosa pela leitura! Obrigada pela dica!

    Beijos

    ResponderExcluir
  10. Eu sou apaixonada pelo gênero, espero logo conseguir ler ele pois cada resenha que leio sobre fico cada vez mais curiosa e lendo a sua só me atiçou mais ainda, adorei seu ponto de vista sobre a leitura.

    Beijos

    ResponderExcluir
  11. Oi, tudo bem?
    Eu já vi a capa desse livro várias vezes na Amazon, mas não sabia nada sobre o enredo. Adorei a sua resenha e fiquei muito curiosa para ler. Parece que Marianne é uma protagonista muito cativante e já estou curiosa para ver esse Phillip.
    Amei a dica e já vou adicionar na lista de desejados. Espero poder ler em breve.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  12. Olá, eu amo romances de época e gostei muito de conhecer um pouquinho da história esse através da sua resenha. Pare mesmos ser um romance de época muito gostoso de se ler.

    ResponderExcluir
  13. Oi, tudo bem? Não conheço a autora e, honestamente, esse gênero não me interessa, passa bem longe da minha estante. Não sou fã da Austen e acho a maior parte da literatura ao estilo dela meio chata, então, não leria esta dica. Mas que bom que gostou, é ótimo lermos algo que não queremos nos desgrudar hehe.

    Love, Nina.
    www.ninaeuma.blogspot.com

    ResponderExcluir
  14. Olá, tudo bem? Grande fã de romances de época, é uma das leituras que mais quero realizar. Sua resenha só me deixou com mais expectativas e ansiosa para realizar. Adorei <3
    Beijos,
    http://diariasleituras.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  15. Oii, tudo bom??!

    Como assim que ainda não conhecia esse livro? Amo romance de época, e esse parece muito diferente dos que eu leio. Gostei da premissa, e deve ser uma leitura apaixonante mesmo. Já vou colocar na minha wish list!
    beijos
    www.apenasumvicio.com

    ResponderExcluir
  16. Olá Tânia,
    Que legal que esse livro foi amorzinho para você. Eu fiquei com a impressão que ele é mais um romance histórico do que de época, não é?
    Achei os personagens muito interessantes e fiquei intrigada para ver pelo que Marianne vai passar, pois parece que são poucas e boas. Vou anotar essa dica e espero me encantar com esses personagens e com a história.
    Beijos

    ResponderExcluir
  17. Oi, Tânia!
    Já li algumas resenhas bem controversas a respeito desse romance, mesmo assim o adquiri e deixei ele de ladinho. rsrs
    Ainda bem que sua resenha foi super positiva e eu não terei mais receio de ler, espero gostar tanto quanto você gostou.
    Bjos
    Lucy - Por essas páginas

    ResponderExcluir
  18. Você não faz ideia do quanto eu estou louca para ler esse livro, aí me vem com uma resenha maravilhosa dessa, pronto, termina de acabar comigo!!!! Sério, adorei ver a tua opinião sobre a leitura e espero ler em breve para matar de uma vez essa curiosidade.

    ResponderExcluir
  19. Onde eu estava que não tinha visto este livro ainda???? Amo romances de época, e sendo um que vai me deixar suspirando, com certeza vou querer ler.
    Bjs, Rose

    ResponderExcluir
  20. Olá, tudo bem?

    Eu não conhecia o livro e a autora, mas adorei a sua resenha, ficou muito boa e apesar de eu (Yvens) não curtir o gênero literário fiquei com uma vontade de ler esse livro por causa da sua empolgação. Vou anotar a sua dica!
    Abraço!

    ResponderExcluir

Autores Parceiros