slide

Filho das Sombras

20 novembro 2013


Filho das Sombras
Juliet Marillier
615 páginas 

Sinopse: Passada no crepúsculo celta da velha Irlanda, quando o mito era lei e a magia uma força da natureza, esta é a história da jovem Liadan, que tal como a sua mãe, Sorcha, herdou a habilidade de falar com os espíritos da floresta, os quais lhe segredam que ela deve permanecer para sempre em Sevenwaters, se quiser que as Ilhas sagradas sejam retomadas dos bretões.

Sevenwaters é um lugar remoto, estranho, guardado e preservado por homens silenciosos e criaturas encantadas, além dos sábios druidas, que deslizam pelos bosques vestidos com seus longos mantos.

Os clãs estão mergulhados numa guerra, quando surge um misterioso homem que é temido e reconhecido como um mercenário feroz. E, assim como sua mãe no passado, Liadan acaba por ser capturada e sente-se cada vez mais atraída pelo ser sombrio, apesar de saber da maldição da profecia que os Seres da Floresta lhe preveniram...

No início do livro a autora nos presenteia com um mapa lindo que fornece a localização de Sevenwaters e demais terras mencionadas no livro. Como o livro trata de diversos deuses, deusas e heróis da mitologia Irlandesa ela também fornece cada nome, a forma de pronunciá-lo e uma explicação sobre cada divindade, tudo isto dá ao livro um significado especial, pois na medida em que se caminha com a leitura, você sabe quem é cada uma das divindades, quando surgiu e um pouco de suas trajetórias.

“Filho das sombras” é a continuação do primeiro livro “Filha da Floresta” cuja protagonista e heroína deste, Sorcha está presente junto com Red. Este querido casal teve três filhos Niamh que é bela e carrega um pouco de ambição, tem um espírito livre, questionadora não concorda com regras impostas, quer ser independente e ter autonomia para buscar sua felicidade. Entretanto terá seu destino todo alterado marcado por muita dor, mágoa e ressentimento por não poder realizar um importante desejo. Liadan e seu irmão gêmeo Sean que como a mãe Sorcha e dois dos tios possuem o dom de se comunicarem mentalmente. Liadan é muito especial, tem o dom de curar através do uso de ervas, apaixonada pela floresta, é sempre grata por tudo que tem. Apesar de fisicamente frágil carrega em si uma força incrível, determinação para lutar pelo que acredita, inclusive a questionar os desejos dos Seres da floresta (deusas e deuses). Sean é inteligente e forte, foi treinado pelo tio Liam que é o chefe do clã e da Família Collum e o trata como se fosse seu filho.

Liadan além de curar as pessoas com ervas tinha o dom de mergulhar na mente de algumas pessoas e interagir com suas almas. “Eu tinha o dom de captar e sentir as dores ocultas, reprimidas. Eu tinha a capacidade de curar.”

O cerne da história continua sendo a conquista de territórios e como no primeiro livro os bretões continuam sendo os grandes inimigos que agora se juntam a outros pequenos clãs para dominar Sevenwaters e para isto a nova geração de guerreiros e lideres usam os meios mais escusos para tentarem atingir o objetivo final, inclusive contratando o “Homem Pintado” para atacar com seus homens. O “Homem Pintado” deixa de ser lenda para ser real. Ele é misterioso e é temido, a partir daí temos muita ação, lutas e a história realmente inicia. Liadan é sequestrada pelo bando do “Homem Pintado”, ela terá uma missão e acabará sendo um instrumento de mudança no meio destes temidos homens.

Apesar da imagem negativa do Homem Pintado, cujo nome é Bran, e de todo seu bando é possível se apaixonar por ele e pelos rapazes do bando, cada um com marcas de todos os tipos na vida. Cada história pessoal será uma lição a ser aprendida pelos leitores, não estou aqui justificando ou sendo partidária dos assassinatos, mas você entenderá o que aqui escrevo quando ler este maravilhoso livro.

Os irmãos de Sorcha que foram embora seguindo seus destinos no livro I “Filha da Floresta” retornam e traz consigo lições incríveis de superação e descobertas.

Existem muitas tramas paralelas que contribuem para que o livro inteiro seja ainda mais interessante. Temos ainda a sequência de alguns dilemas inacabados no livro I – “Filha da Floresta” que faz todo sentido a continuidade para compreensão no livro II – “Filho das Sombras”. Os personagens secundários também são bastante relevantes e marcantes, será impossível não percebê-los, aprender com eles e odiar alguns. A bruxa e feiticeira Lady Oonagh não aparece neste livro o que nos dá a dica de que teremos grandes acontecimentos no livro III – “Filha da Profecia”, ainda não disponível no Brasil.


A capa do livro é maravilhosa e tem total sintonia com a história. É metalizada com as cores azul e preto que dão a perfeita sensação de um anoitecer na floresta, mas ainda com alguma luz e a sombra de um grande pássaro em pleno voo solitário, em suma comunica muito.

Indicadíssimo!!! Boa leitura. Aguardo seus comentários. Beijos.

16 comentários:

  1. Oi gostei muito do seu Blog, estou muito atenta agora em resenhas porque estou começando a resenhar, e é sempre bom ler as resenhas de outros pra se ter uma noção básica de como são realmente as resenhas, gostaria muito que você desse uma olhada nas minhas resenhas, seria muito bom pra mim, pois não sei ainda se estou no caminho certo, me sinto um pouco perdida. Muito obrigado se você puder me ajudar, ah e adorei o livro parece ser realmente muito bom =).

    sweet-winter-dreams.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Bruna, seja bem vinda ao mundo das resenhas, confesso que como você ainda sou aprendiz, mas no que eu puder ajudar conte comigo e tem muitas parceiros e parceiras bacanas neste universo. Visitarei o seu blog. Fico feliz que tenha gostado da resenha. bjs

      Excluir
    2. Bruna, agora pouco li uma matéria fantástica sobre dicas para nós novas blogueiras. Dá uma olhadinha. segue link.
      http://www.sanguecomamor.com.br
      Post em: Assuntos a falar - chega mais.
      Bjs
      Tânia

      Excluir
  2. Olá linda, tudo bem?
    Eu vim aqui conferir a sua resenha e achei bem interessante, até porque eu tenho os dois livros na minha estante e tenho que concordar que as obras estão impecaveis na diagramação, mas já no conteudo eu n sei dizer, pois n os peguei para ler, mas tenho certeza que irei gostar como a maioria e a sua resenha me deixou ainda mais curiosa para ler o livro logo. (risos)
    Parabens linda pela resenha e tbm espero que vc tenha aproveitado cada página, pois é isso que conta de verdade =]

    Se cuida minha linda
    lovereadmybooks.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Sil Amada, eu aproveitei muito a leitura, eu amei os dois livros e super indico. Eu queria muito me iniciar com algumas leituras que falasse um pouco do mundo Celta e a Elis do Arquivo Passional me deu estas dicas. Eu creio que você gostará da Trilogia Sevenwaters. Obrigada por sua contribuição. bjs

      Excluir
  3. Oi Tania!
    Que bom que você está curtindo a Juliet Marillier, preciso urgentemente ler A Filha da Floresta e irei aproveitar o próximo Black Friday para adquirir Filho das Sombras. Adoro quando os vilões são tão convictos e bem construídos que nos apaixonamos por eles, é uma paixão com um pouquinho de culpa, mas como é de mentirinha pode rsrsrs...
    Beijos... Elis Culceag. * Arquivo Passional *

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Elis você amará o vilão Bran ele é demais, convicto, determinado, sabe o que quer, objetivo e tem segredos interessantes com uma história de vida interessante. Eu amei os dois primeiros livros da trilogia e estou ansiosa para que o último seja lançado logo. bjs

      Excluir
  4. Oi Tania! Pensa numa pessoa que leu sua indicação mordendo a boca, louca pra ler. Fico encantadas com contos como esse, florestas, druídas, encanto. Minha mãe me passou esse encanto pela fantasia. Saber que é o segundo livro deu aquela dorzinha, pq a lista tá enorme, mas vou encarar o primeiro para acompanhar essa história, torcendo para o terceiro já ter chegado ao Brasil até la ♥ Gostei desse Bran só de te ouvir... não vejo a hora de explorar de fato!
    bjuss
    Pan
    http://pansmind.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiiiiii Pannnn, que lindo! Também amo, amo muito tudo isso. E fico feliz por ser mais uma admiradora de contos,florestas, druídas, encanto, magias. Você simplesmente amará os dois livros. Leia de depois conversaremos mais, senão me empolgo e falo demais. De ziper na boca AGORA. risos. bjs Ah! No livro I você amará varios dos meninos e no livro II amará Bran e um dos druídas. Pronto. chega.

      Excluir
  5. Minha linda li o seu comentário lá no Blog Sangue com Amor e gostaria de agradecer pelo carinho quando citou meu nome. Muito obrigada viu? Até porque fiquei muito surpresa com o seu comentário e também concordei com tudo que você falou, pois tem coisa que não dá pra entender de algumas pessoas. Enfim...achei o post da minha amiga lá muito bom e gostei do seu comentário =] obrigada pelo carinho linda

    lovereadmybooks.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Sil, foi de coração e muito sincero. Você é uma pessoal very special. bjs

    ResponderExcluir
  7. Olá Tania! Bom flor esta é minha primeira visita ao blog, e logo de cara me deparo com uma resenha tão maravilhosa. Bom muitos me conhecem e sabem o quanto eu sou fissurada por livros com fantasia(e agora você). Eu não conhecia o livro e é aqui que tenho o privilegio. O que posso dizer é que esta capa é muito sinistra, porem muito linda. E a historia nossa, como não gostar. Com tanto misterios, seres sobrenaturais, e com ação. Impossivel não gostar(ao menos a mim).
    Pelo que li este é o segundo livro(logo apos vou conferi o primeiro), mas tudo que voc~e disse somente ressalta a qualidade da escrita e da historia e de como as coisas vão acontecendo. Então flor, você acabou de me fazer a colocar mais um livro a minha lista de leituras. Hahahahahaha
    Flor parabéns pela resenha. Ficarei na ansiedade e no aguardo do terceiro livro que pelo jeito terá muitas reviravoltas e ação(AMO!).
    Parabéns pela resenha!

    Beijokas Ana Zuky

    PS: Obrigada pela sua visita ao meu blog. E seu comentário foi recebido com muito carinho. Assim como sua opinião foi muito valiosa. Obrigada!

    Blog Sangue com Amor

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ana, amei sua visita e o comentário. Como você amo livros com fantasia, sou verdadeiramente apaixonada. Creio que você gostará muito da Trilogia Sevenwaters. Se quiser aqui no blog tem também a resenha do livro I - Filha da Floresta.
      Ah! ter um reconhecimento de uma pessoa como você competente no que faz é como ganhar um Oscar. rs. Sempre com gratidão, beijos Tânia.

      Excluir
  8. Nunca tinha ouvido falar nem do livro e nem da autora, mas envolve cultura céltica e por isso já chamou minha atenção. No blog tem resenha do primeiro livro?

    Um abraço,
    http://oepitafio.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Elder, o livro é muito legal. Eu comecei a ler por estar muito interessada em conhecer mais do mundo Celta.
      E, sim tem a resenha do primeiro livro no blog. http://facesdaleiturataniabueno.blogspot.com.br/2013/10/filha-da-floresta.html
      Um forte abraço.

      Excluir
  9. Oi Flor!
    Jesus eu amei tanto esse livro quando eu li!
    Mas vamos ser sinceras o primeiro livro é bem mais sofrido - Chega a ser pesado de tanto que a mocinha sofre - tenho cenas dessa história que estão até hoje grudadas na minha cabeça!
    Linda Resenha!
    Beijos
    http://overdoselite.blogspot.com.br/2013/11/resenha-cinquenta-tons-de-cinza-livro-1.html

    ResponderExcluir