slide

Para sempre sua

19 julho 2013

Para sempre sua – (conteúdo adulto)
Sylvia Day
Editora Paralela
295 pgs.

Esta é uma obra de conteúdo adulto e com algumas práticas BDSM.

O terceiro livro da Série Crossfire está bastante interessante com a continuidade da história de amor envolvente, às vezes tensa em decorrência dos segredos antigos dos protagonistas, segredos estes que explicam a forma deles serem o que são.  A narração continua em primeira pessoa e na voz da protagonista que de forma clara absorve a atenção do leitor com o conteúdo erótico; muito sensual, bem humorado nos faz rir em alguns momentos, às vezes tenso e tudo compensado pelo amor incondicional e apaixonante dos protagonistas que agora descobrem sensações e possibilidades até então tidas como inconcebíveis para eles em decorrência dos traumas e dilemas emocionais vividos por cada um durante a infância.

Gideon e Eva se encontraram a partir dos seus traumas e tornaram-se, de certa forma, dependentes um do outro. “... senti uma atração irresistível, que só poderia ter acontecido porque eu havia encontrado minha alma gêmea. Eu precisava dele assim como precisava do meu coração batendo, e ele por sua vez arriscou tudo o que tinha para ficar comigo.” Um casal incomum que juntos ainda terão que vencer muitos desafios.
Se na vida o amor pode se tornar possessivo ao ponto de levar a fazer qualquer coisa para proteger a pessoa amada e garantir segurança a ela, em Para sempre Sua não é diferente já que Gideon em uma atitude extremada e pensando única e exclusivamente no bem estar e na vida de Eva coloca seu futuro em risco, além de gerar muita insegurança “Você precisa ter certeza de que vai ser capaz de conviver com o que eu fiz”.

Este livro é a continuação da história do segundo livro que é Profundamente Sua. Agora eles estão mais maduros e conscientes do real sentimento que os une, porém com encontros ainda mais apimentados com novas descobertas e um segredo que ambos terão que lidar.

Eva está bem mais segura, embora em algumas situações precise se apegar a algo que garanta ser única para Gideon e vice versa. “Eu não tinha dúvidas de que me tornava o centro do seu mundo quando Gideon me tocava, a única coisa que importava para ele naquele momento. Mas essa conexão física não podia durar o tempo todo. De alguma forma, eu tinha que aprender a acreditar em algo que nos unia mesmo à distância.” Eva continua sendo uma pessoa importante na vida de Gideon que capta a sombra e a inquietude do homem bem sucedido e desejado por todas as mulheres, ela é quem o levou a entrar em contato com seu passado obscuro para entende-lo, aprender a não se culpar por tudo e assim investir em um futuro com a alma renovada. Eva está pronta para enfrentar qualquer coisa para garantir a felicidade dele. É interessante notar como de forma diferente um lutará e cuidará do outro, cada um a sua maneira... a receita funcionará?

Gideon está mais entregue aos seus sentimentos e já consegue assumí-los de forma mais consciente e em palavras, mais sensível ele se esforça por ser uma pessoa melhor que comete erros e que também tem aprendido com eles e que deseja fortemente que o relacionamento com Eva dê certo. Eu diria que Gideon faz parte do imaginário feminino de homem completo em quase todos os sentidos, amante charmoso, atencioso e incansável que sabe encantar. Uma espécie de príncipe do século 21 pronto a proteger, cuidar mesmo com a negativa feminina.

A história é contemporânea e atual, de leitura rápida e fluida deixa o desejo angustiante de chegar logo o final de toda a história, o que não é possível tendo em vista que a trama deixou de ser uma trilogia e foi prolongada para 5 livros, o que no meu entender é desnecessário, pois com o quarto livro seria possível encerrar a história. Mas este é um desafio/problema de Sylvia Day que terá que nos manter envolvidos e emaranhados com a sequência da história, pelo menos em mim criou esta sensação e agora aguardo ansiosamente os próximos capítulos.

Algumas questões ficam em suspense e acabam sendo a válvula propulsora para nos manter ligados à história sem o rompimento do cordão umbilical literário (risos). Questões como por que uma mãe não acredita quando o filho ainda criança revela a ela situações de abusos sofridos e como esta mãe lidará com isto depois de anos e do que desencadeou em seu filho? Os personagens secundários têm muito a ser revelado e de que forma afetarão ou não a rede de relacionamentos com os personagens principais. Tem um suspense principal que norteia a história, de que forma afetará a vida dos protagonistas?

Apesar das críticas dirigidas à Série Crossfire e a Sylvia Day, acho bacana termos livros como este que mantém o imaginário em ação, claro sem tirar o pé da realidade, mas às vezes esta realidade pode ser dura demais com algumas pessoas e a leitura de livros como estes podem manter acesa a esperança de encontrar uma pessoa completa que atenda aos seus anseios ainda que parcialmente, que mostre que o amor é possível, que a troca é possível, que cumplicidade e respeito são ingredientes importantes na vida de um casal, que as apimentadas e inovações mantém o relacionamento vivo, que fidelidade não é coisa do passado e que “Príncipes” podem existir e o poder de dar este título a alguém pertence a você.

17 comentários:

  1. As suas resenha são lindas!
    Venho sempre aqui e acho essas pérolas!
    Gosto muito dessa Série Flor Tania!
    Apesar que ela foi me conquistar mesmo no segundo livro! Vc viu aquele finalllll???
    Quase me matou! hahaha

    Amei a resenha e principalmente sua conclusão! Espero meu príncipe agora!

    Obrigada pelo carinho e a oferta de olhar minha listinha nos sebos! Se precisar te procuro! s2

    PS: Resenha quentinha de Insurgente - Divergente - Livro 2 - Veronica Roth
    http://overdoselite.blogspot.com.br/2013/12/resenhainsurgente-divergente-livro-2.html
    Passa lá e comento que RETRIBUO a visita!
    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Respostas
    1. Oi Tania linda! Já tinha comentado aqui antes neh! Adoro suas resenhas e nossos gostos batem bastante!
      Ansiosa para o próximo livro do nosso Sr Cross!
      Beijos s2

      Excluir
  3. Oii!
    Todo mundo fala muito bem desses livros da Sylvia, mas não faz meu genero de livro preferido. Mas fico contente que você tenha gostado, é realmente bem chato quando a gente le um livro e não gosta. haha

    Beijinhos,
    Nina Xaubet
    Storytime, Storyteller

    ResponderExcluir
  4. Oi Tania!

    Gostei muito da sua resenha e a trama parece mesmo envolver, mas só em pensar que todas essa história terá cinco livros já me cansa. A maioria dos autores perde o fôlego em histórias longas demais, raras exceções. Espero que aproveite os próximos.

    Beijos

    http://poesiasprosasealgomais.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Não sou muito fã desse gênero literário, tipo, comecei a ler 50 tons de cinza e me irritei tanto que não consegui ler, sei que não é o mesmo livro, e até acho que peco fazendo comparação, mas ainda associo a Série aos Tons.

    Mas sua resenha tá ótima, Me identifiquei na maneira que vc expõe sobre um livro.
    Parabéns,
    Ótimo post !

    http://estilogeek.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Oii,
    Olha confesso que estou meia saturada de livros desse gênero, acho que o mercado ficou abarrotado e acabou enjoado, parece sempre a mesma coisa.
    Adorei sua conclusão, acho que vc se colocou bem o respeito e a cumplicidade são realmente a base de um relacionamento feliz e duradouro.
    Que bom que gostou da história e vou ler a resenha dos próximos livros, adorei a a forma articulada como vc escreve.
    Bjs
    Aline Lima
    http://alinenerd.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Primeira coisa: eu morro de raiva quando as pessoas estendem a série. Que necessidade tem disso? fica muito claro que é só pra ganhar mais dinheiro, e isso me faz perder o respeito pelo autor, sinceramente.

    Gostei muito da resenha, mas o livro não é para mim. Não sou fã de eróticos, e com práticas BDSM menos ainda... nem sei o que é parte da sigla, na verdade, e não quero descobrir... só o SM já é o suficiente para me espantar! hahaha...

    Beijo!

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu já li e adoro pra quem gosta do estilo e muito bom, confesso que os personagens me surpreendeu em vários níveis, principalmente o Gideon que fez os meus dias mais dificies com algumas atitudes deles. Eu super recomendo ele, por dois motivos; um os personagens são incríveis, dois a historia é muito bem trançada é do tipo que te prende mesmo e não tem jeito.

      Beijo, http://sersonharepensar.blogspot.com.br/

      Excluir
  8. Oi Tania.
    Bom, o gênero hot não me agrada,e só de saber que a série foi estendida desnecessariamente, ela perde ainda mais o crédito comigo.
    Que desfecho lindo você deu na resenha, concordo com você, cumplicidade, respeito e fidelidade são essenciais.

    Até mais.
    Leituras da Paty

    ResponderExcluir
  9. Oi Tania

    Mesmo não gostando deste gênero de literatura, através de sua resenha percebi que a história é sobre a busca do amor.

    Super bjos
    http://www.i-likemovies.com/

    ResponderExcluir
  10. Oi Tania,
    Leio muitas resenhas bem positivas dessa serie, mas não sou fã desse enredo, ainda não fiquei interessada por essa leitura.
    Mas esse foi o livro que sempre me chamou atenção, porque ele mesmo tendo um conteudo mais adulto ele é sobre um amor.
    Parabéns pela resenha.
    Beijos

    Mari - Stories And Advice

    ResponderExcluir
  11. Olá, ainda não li nenhum livro da Sylvia Day, mas como gosto de livros
    assim, com essas pegadas é certo que irei gostar. As vezes como você disse
    no final acontece comigo, sou pisciana estão já viu tudo, fico sonhando acordada
    e o mas difícil é terminar um livro tão bom, né? Sua resenha está super completa, adorei
    assim soube mais da narrativa,

    bjs

    http://www.loveebookss.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Aaah eu sei que você não queria saber, mas eu fiquei quicando pra responder. O BD é Bondage (B) Disciplina e Dominação (D) kkkkkk.

    Eu entendo seu sentimento alguns desses livros me traumatizaram e não acho que exista psicologa no mundo pronta pra resolver minha paranoia literária.

    Beijo.

    ResponderExcluir
  13. Eu prefiro livros eróticos mais leves, suaves. Sem tanta pornografia e mais suave. E tento entender o que significa BDSM

    D:

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. BDSM:
      B&D= Bondage (amarração; imobilização) & D= Disciplina; dominação
      D&S = Dominação e Submissão
      SM = Sadismo e Masoquismo

      Excluir
  14. Oii tudo bem?
    Bom, não sei se é porque foi lançado logo depois de 50 tons mas não tenho a menor vontade de ler essa série, ainda mais agora que deixou de ser trilogia...
    Nesse gênero são poucos os que me chamam a atenção...
    Mas eu gostei da sua resenha

    Beijos
    http://lendocomaolly.blogspot.com

    ResponderExcluir